Na próxima segunda-feira, 17 de novembro, o ministro da Cultura, Juca Ferreira, empossará o ator Sérgio Mamberti no cargo de presidente da Fundação Nacional de Artes.
A cerimônia será realizada às 15h, no Auditório Gilberto Freyre do Palácio Gustavo Capanema, no Rio de Janeiro (Rua da Imprensa, nº 16, Centro). Na ocasião, serão apresentadas as ações e diretrizes que irão orientar as políticas públicas da Funarte nos próximos dois anos. A presença de Mamberti à frente da instituição representa uma aposta na reestruturação da Funarte, com o objetivo de consolidar seu campo de ação em todo o território nacional, reafirmar sua relevância no cenário artístico brasileiro e fortalecer o quadro de servidores e o corpo gestor. No âmbito do MinC, a Fundação é estratégica na formulação, implantação e desenvolvimento das políticas públicas para a música, as artes cênicas e as artes visuais, por meio de programas e projetos voltados para o fomento e o incentivo à produção artística nos diversos segmentos.
Reconhecido defensor da cultura nacional, com destacada atuação nos meios artístico e político, Mamberti foi convidado em 2003, pelo então ministro Gilberto Gil, para compor o quadro de dirigentes do MinC, como titular da Secretaria de Artes Cênicas. Em 2004, assumiu a Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural, criada para promover o diálogo e o debate com os setores representativos da área no país, com o objetivo de instituir políticas públicas inclusivas para as culturas populares, indígenas e ciganas, assim como para a diversidade sexual, dentre outros segmentos.
Mais informações