De 28 de novembro a 3 de dezembro acontece a 11ª edição do Festival Visões Periféricas, na CAIXA Cultural Rio de Janeiro. O objetivo do Festival Visões Periféricas é incentivar projetos que promovam uma formação técnica e estética de indivíduos e coletivos nas periferias e ampliem a visão do público em geral sobre esses espaços, tendo como referência o olhar de quem vive o seu cotidiano.

O evento é composto por quatro mostras competitivas – Visorama (filmes produzidos por alunos de oficinas, escolas livres e projetos de formação em audiovisual de todo o país); Fronteiras Imaginárias (filmes produzidos por realizadores independentes e coletivos de audiovisual de diferentes estados do Brasil); Cinema da Gema (panorama de filmes realizados por diretores cariocas e fluminenses); Tudojuntoemisturado (filmes de até 5 minutos exibidos e votados exclusivamente na internet) – e uma mostra informativa – Panorâmica (filmes com duração de pelo menos 40 minutos). A programação é gratuita.

Em paralelo às exibições, ocorre o IV Encontro de Educadores Audiovisuais/ IV Deseducando o Olhar, na Escola de Cinema Darcy Ribeiro, que traz compostos de debates e oficinas que contam com a participação de realizadores, educadores, acadêmicos e profissionais do estado do Rio de Janeiro e de outras localidades que trabalhem na interface do audiovisual, educação e tecnologias. Os dois encontros são realizados em parceria entre a UFF e a Imaginário Digital, apresentando 32 trabalhos de diversos estados. A entrada é franca e a programação está disponível no site do Visões Periféricas.

Fonte: Assessoria de Imprensa.