Mixado no CTAv, o documentário Dedo na Ferida, de Silvio Tendler estreia em 31 de maio nos cinemas do país. O filme aborda o fim do Estado de bem‐estar social e a interrupção dos sonhos de uma vida melhor para todos, em um cenário onde a lógica homicida do capital financeiro inviabiliza qualquer alternativa de justiça social.

Com 48 anos de carreira e cerca de 80 filmes no currículo, Silvio Tendler se aprofunda no cenário de tensões sociais, onde intelectuais lutam para transformar o mundo, levantando em sua obra temas como o fim dos direitos sociais, o desemprego, o mercado e o ressurgimento de movimentos extremistas.

Para tecer o panorama do sistema financeiro contemporâneo e suas contradições, o diretor lança mão de diversas entrevistas, como a de Yanis Varoufakis, ex-ministro das Finanças da Grécia; Celso Amorim, ex-ministro das Relações Exteriores do Brasil e Paulo Nogueira Batista Jr, vice-presidente do banco dos Brics.

Confira um pouco desse trabalho, assistindo o trailer abaixo:

 

O filme teve uma boa resposta junto ao público em 2017, quando participou da 19ª edição do Festival do Rio, levando o prêmio de melhor longa documentário pelo júri popular.  “Nós aqui do CTAv ficamos muito contentes em ver as produções que apoiamos ganhando prêmios em festivais e chegando às salas de cinema. É uma conquista enorme para o audiovisual nacional.” diz Alexandre Jardim, técnico responsável pela execução do serviço de mixagem do filme no CTAv.


Inscreva o seu filme para o Apoio à Produção

O CTAv oferece serviço de mixagem, visionamento, empréstimo de equipamentos e mixagem com técnico credenciado, todos gratuitos, mediante seleção. No 3º Período, o prazo para submissões vai até 11/05.  Clique aqui para ver o Calendário completo 2018 ou aqui para saber mais sobre a inscrição.