A Cinemateca do MAM presta homenagem ao cineasta, educador, sindicalista e ativista cultural Sérgio Sanz, que faleceu no dia 12 de janeiro deste ano. Para tal, exibe no dia 23 de fevereiro, às 19h,  Devoção, seu último filme, seguido de uma roda de conversa com a participação de Sergio Muniz, Oswaldo Caldeira (ainda não confirmado) e Tiago Arakilian Affonso.

Sanz teve ampla atuação no cinema, com importantes trabalhos como assistente de direção, montador, fotógrafo e direção de mais de vinte documentários, ganhando inclusive o prêmio Humberto Mauro de melhor diretor de documentário, concedido pelo governo do antigo Estado da Guanabara.

Foi um dos fundadores da Associação Brasileira de Documentaristas – ABD, presidiu o Sindicato dos Artistas e Técnicos (SATED) e foi diretor do Centro Técnico Audiovisual – CTAv de 1990 a 1995 e, novamente, de 2003 a 2005. Também lecionou como professor na Escola de Teatro Martins Pena, na Universidade Gama Filho e na Escola de Cinema Darcy Ribeiro, contribuindo para a formação de diversos profissionais do segmento.

A capacidade de público da Cinemateca do MAM são cento e oitenta lugares e a entrada a sessão de homenagem é grátis, respeitada a ordem de chegada. Para mais informações sobre o evento, o telefone de contato é 21 3883-5600.